Ninguém sabe com certeza qual o foi dia exato do golpe. Políticos de então, ainda vivos, e historiadores debatem qual a data correta.

Ninguém sabe se o golpe foi civil militar, ou, militar civil.

O que se sabe é que teria durado 21. anos.

O que se sabe e que ocorreram desaparecidos, até hoje sem nenhuma explicação.

Alguns defendem que houve herança positiva e outros negam tal herança.

Houve anistia,mas não houve reconciliação. A Comissão da Verdade chega tardia, pois muitos dos torturadores e revolucionários já morreram. Restaram famílias sem explicações sobre seus filhos,mulheres e pais.

As vítimas assumiram o poder, via Lula. Este usou as esquerdas. Ocupam milhares de cargos. Outros receberam indenizações milhionárias.

A ditadura implantou o medo. Delação mereceu prêmio e torturadores promoções.

Parte dos fatos foram revelados. Outros fatos jamais serão descobertos.

Só uma coisa permaneceu: a corrupção da direita e a corrupção da esquerda hoje instalada no país. Este cancro, nem a ditadura extirpou e nem a democracia combate.

As instituições não funcionaram na ditadura e também são depauperadas na democracia.

E o povo? Tanto numa como na outra continuam inertes e cordeiros. Sempre foram colocados “!a latere”.

O que mudou? Será que mudou alguma coisa?

Sera mesmo que a ditadura acabou. Ou, mudaram  seus titulares.